Scroll Top

 

Filie-se ao SINDJUFE-BA que luta pelos seus direitos. Junte-se a nós!

 

Filie-se ao SINDJUFE-BA que luta pelos seus direitos. Junte-se a nós!

HOME

Desesperado, Guedes segue com ameaças e promessas falsas para aprovar o fim da Previdência
31/05/2019

 

Em nova tentativa de ludibriar a população, Guedes mente sobre liberação do FGTS, pois  fala em resgates até de contas ativas, do atual emprego do trabalhador, e mais tarde, porém, afirma a interlocutores que apenas recursos das contas inativas serão liberados. E isso depende da aprovação da reforma da previdência.

Essa é mais uma promessa falsa do governo Bolsonaro, para tentar ludibriar os trabalhadores brasileiros e a massa que sofre com o desesperador índice de desemprego.


O ministro já ameaçou suspender salários dos servidores, e foi seguido dos donos da Riachuelo e Havan, que ameaçaram seus funcionários de redução salarial se a reforma não passar.

Após queda de 0,2% do PIB no primeiro trimestre, com as amarras à produção e sem estímulo ao emprego,  o ministro da Economia, Paulo Guedes, disse que estuda liberar os saques de contas do FGTS, transferindo para os trabalhadores a obrigação de investir na economia.

Guedes chegou a falar em liberar até as contas ativas do Fundo de Garantia, ou seja, do emprego atual de quem está trabalhando, para que essa injeção de recurso  estimule a economia, porém "só após aprovar a reforma da previdência".  O ministro foi além e  inventou sobre a liberação dos saques do PIS/Pasep, independentemente da idade do beneficiário.

É extremamente importante se manter de olhos e ouvidos abertos  para não acreditar em promessas em troca da perda de um bem muito maior que é o direito à aposentadoria, educação,  e outros mais que estão sendo varridos pelo governo Bolsonaro.

 

Imprensa SINDJUFEBA



 
>>>>>>>>>>