Scroll Top

HOME

SINDJUFE-BA solicita correção imediata da informação errônea veiculada na Globonews sobre reajuste aprovado no Senado
09/11/2018

 

                                     

Na noite da última quarta-feira (07), durante a passagem do repórter Vinicius Leal na edição da Globonews, a legenda que ilustrava a matéria sobre o reajuste aprovado pelo Senado para os ministros do Supremo Tribunal Federal foi divulgada de forma totalmente arbitraria e errônea.

A legenda trouxe a informação que o reajuste era para SERVIDORES do Judiciário, no entanto o aumento de 16,38% só beneficia APENAS os ministros do STF, não atingindo os SERVIDORES do Poder Judiciário.

O SINDJUFE-BA entrou em contato com a redação da Globo pedindo DIREITO DE RESPOSTA , bem como pelos canais de atendimento ao Cidadão, solicitando que a informação fosse CORRIGIDA de forma imediata e amplamente divulgada.

A Fenajufe e o SINDJUFE-BA orientam que a categoria também pressione por meios dos canais de Atendimento ao Cidadão e pelas redes sociais da emissora a correção da informação veiculada, que não atinge o conjunto dos Servidores do Poder Judiciário Federal.

 

Sugestão de Mensagem:

Exijo seja corrigida o mais rápido possível, informação veiculada no jornal Edição das 18 desta quarta-feira, 7, quando da passagem do repórter Vinicius Leal, sobre a aprovação pelo Senado, de aumento de 16.38% para MINISTROS DO SUPREMO TRIBUNAL FEDERAL.

O aumento beneficia APENAS OS MINISTROS DO STF e não atinge os SERVIDORES do Poder Judiciário. Da mesma forma, o reajuste aprovado para o Procurador-Geral da República, recai APENAS sobre o próprio Procurador-Geral e para os Membros da pasta, NÃO ATINGINDO SERVIDORES, que continuam com salários congelados e defasados, com perdas acumuladas de mais de 41%.


Canais:
- Atendimento ao Cidadão: 4002-2884
- Twitter: @GloboNews
- Facebook: https://www.facebook.com/GloboNews/

 

Imprensa SINDJUFE-BA



 
>>>>>